Por outro lado, a imagem do plano de fundo foi feita pela Curiosity Mars Science Laboratory em 08 de setembro de 2012 no 33º dia após o pouso na superfície de Marte observando-se o solo marciano como jamais foi visto. E também não é bobagem...
Image credit: NASA/JPL-Caltech/MSSS.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O Google e a energia solar



O Google deverá investir US$ 168 milhões em uma usina de energia solar, no Deserto de Mojave na California, zona de preservação ambiental nacional. Na verdade o investimento é na BrightSource Energy, empresa que desenvolve e opera grandes usinas de energia solar. O projeto se chama Ivanpah, pois é o nome do local onde estará localizado no deserto de Mojave. O Ivanpah Solar Energy Generating System será o primeiro grande projeto de energia solar construído no deserto da Califórnia, e será o maior do mundo, pois produzirá quase o dobro da quantidade de energia solar produzida comercialmente hoje em todo o território norte americano.
O sistema, eficiente e ambientalmente responsável, combina tecnologia inovadora com o sistema de energia solar convencional, para uma produção de energia limpa em grande escala. Quando a usina estiver pronta em pleno funcionamento, 13,5 milhões de toneladas de dióxido de carbono deixarão de ser produzidas.
A usina vai gerar energia com uma tecnologia de torres, 173 mil espelhos controlados por um software que seguindo o sol, reflete a luz em uma caldeira, que fica no topo da torre com altura de 150 metros. A luz solar concentrada na caldeira aquece a água da caldeira com temperatura superior a 550°C, criando vapor, que é direcionado até uma turbina onde a eletricidade é gerada. A partir daí, as linhas de transmissão transportarão a energia para o consumidor final.Se quiser ver interessante galeria de fotos do projeto clique aqui.
O Google está investindo pesado em projetos ecológicos sendo que, ano passado, foram US$ 40 milhões em um parque eólico na Dakota do Norte e também em um projeto de design que pretende fazer instalações ecologicamente corretas no oceano Atlântico.
Segundo Needham Rick, diretor de operações do Google Verde, o investimento em Ivanpah continuará com o desenvolvimento e implantação desta tecnologia promissora sem deixar de incentivar outras empresas a fazer investimentos semelhantes em energia renovável.
O Google já fez investimentos de mais de 100 milhões de dólares nessa causa, e se você estiver interessado em conhecer os detalhes é só clicar aqui.

Um comentário:

Michael Vanzan - Personal Coaching disse...

Olá!
Parabéns pelo blog, muito legal!
Parabéns!